Angariados 7685 euros para ajudar donos de vacaria destruída em Balasar

Centenas de agricultores foram almoçar a S. Pedro de Rates no passado dia 14 de novembro para contribuírem financeiramente para a reconstrução da vacaria de António e Alcina Longorito, casal que viu um fogo consumir as instalações e matar 560 cabeças de gado na freguesia de Balasar. A manifestação de apoio deixou emocionada a mulher, que agradeceu o gesto das cerca de 500 pessoas presentes, tendo a receita resultado numa angariação de 7685 euros. O repasto contou também com a oferta de 180 quilos de carne da empresa PEC Nordeste.
Ainda hoje a forma como o incêndio foi de tal forma devastador é algo que não sai da cabeça do produtor afetado, que recebeu da PJ a indicação de que a origem terá sido um curto-circuito. A vacaria produzia seis mil litros por dia, mas, para já, os objetivos serão mais comedidos quando voltar à produção. Com algum apoio financeiro, o casal Longorito espera voltar a ter a sua exploração a laborar e regressar a alguma da normalidade perdida.
Este almoço foi um primeiro auxílio e outros eventos vão ser agendados uma vez que está a ser criada uma associação intitulada “Alvorada Pioneira” (de apoio à reconstrução do potencial produtivo) para ajudar casos semelhantes, revelou José Moreira Campos, presidente da Cooperativa da Póvoa de Varzim. Esta ajuda uniu o setor agrícola local e também o associativo da região, tendo Jorge Oliveira, da APROLEP, sublinhado que o importante foi dar o primeiro passo. O movimento solidário tem uma conta bancária para receção de donativos no Crédito Agrícola: IBAN PT 50 0045 1460 4030 8360 1952 9.

Seja o primeiro a comentar no "Angariados 7685 euros para ajudar donos de vacaria destruída em Balasar"

Deixar um comentário

O seu endereço de correio eletrónico não ficará visível


*