Aires Pereira critica organização do Inter-freguesias

A última previsão aponta, finalmente, para o ínicio do campeonato inter-freguesias da Póvoa de Varzim. Mas muita gente tem questionado afinal por que é que ainda não começou? Essa foi a questão que alimentou diversas discussões para quem gosta de futebol popular. A Rádio Onda Viva e o jornal Póvoa Semanário contactaram o presidente da associação que organiza a competição para conhecer os motivos do atraso, mas António Pereira, depois de prometer um esclarecimento para mais tarde, deixou de atender o telefone.
Ora sendo a Câmara Municipal da Póvoa de Varzim a única patrocinadora da competição, perguntámos ao presidente Aires Pereira o que se passa e ele esclareceu que a lei mos subsídios acima de 50 mil euros, obriga a autarquia a conferir que o destinatário tem as contas auditadas oficialmente. Mas como a associação não dispunha de “contas credíveis” teve dificuldade em obter a certificação, o que atrasou a entrega da comparticipação municipal que deve suceder na reunião de 6 de novembro.
Mas Aires Pereira não escondeu o desagrado que o adiamento do arranque da competição lhe causou. O presidente sentiu que a Câmara estava a ser alvo de um braço-de-ferro por parte da associação e, ao jeito de aviso e entre críticas aos dirigentes, fez questão de recordar quem é que paga o campeonato.

Seja o primeiro a comentar no "Aires Pereira critica organização do Inter-freguesias"

Deixar um comentário

O seu endereço de correio eletrónico não ficará visível


*