20 anos de encontros à procura da paz na terra

Já foi apresentada mais uma edição do Encontro pela Paz, que terá um dos pontos altos no dia 1 de Janeiro, dia Mundial da Paz, com a tradicional cerimónia no cais junto ao Instituto de Socorros a Náufragos no porto da Póvoa de Varzim. Este ano, o vigésimo consecutivo, vai ser homenageado o nosso planeta com o tema “Terra – Criadora da vida que precisa de amor e paz”, por escolha do principal dinamizador, o artista plástico Mário Ferraz. O programa foi apresentado na Câmara Municipal, uma das parceiras do evento que agrega ainda todas as juntas de freguesias, associações e outras instituições, para além de dezenas de voluntários. O arranque é a 12 de dezembro no Diana-Bar e tudo termina no mesmo local exatamente um mês depois. Pelo meio haverá a corrida pelas freguesias da Chama da Paz, no dia 15, e a festa no pavilhão municipal no dia seguinte. Aí haverá algo de novo, referiu o vice-presidente Luís Diamantino, destacando a presença de toda a comunidade educativa local para um espetáculo que juntará elementos de todas as escolas do concelho. “Teremos, com certeza, um pavilhão cheio de jovens, crianças e também de familiares. Teremos um momento único para celebrarmos a paz com aqueles que mais nos interessam, os jovens, a geração nos vai seguir e será a geração do futuro”. No final, se o tempo o permitir, haverá um desfile até à Praça do Almada e a deposição numa taça das flores brancas que no dia 1 de janeiro de 2019 serão lançadas ao mar poveiro. 

Seja o primeiro a comentar no "20 anos de encontros à procura da paz na terra"

Deixar um comentário

O seu endereço de correio eletrónico não ficará visível


*